Divulgação científica e cultural em pauta


Publicado em 02/03/2012 às 14:39 | Por Vanessa Fagundes

Um dos primeiros eventos do ano sobre divulgação de ciência e cultura acontecerá na próxima semana, na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O 1º Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (EDICC), realizado de 6 a 8 de março, tem como objetivo promover a reflexão e discussão sobre temas relevantes da divulgação de ciência e cultura com pesquisadores e profissionais da área. As inscrições para participar como ouvinte podem ser feitas até o dia 5/3. Outras informações e inscrições no site http://edicc1.wordpress.com

Além de debates e apresentação de trabalhos, está previsto na programação um mini curso sobre divulgação científica e novas mídias ministrado por Atila Iamarino, coordenador do ScienceBlogs Brasil. O SbBr é a versão nacional do maior condomínio de blogs de ciência do mundo e é uma das referências quando o tema é a blogosfera científica brasileira. É possível conhecer um pouco mais desse trabalho na edição nº 48 da Minas Faz Ciência, que acaba de ser publicada. Na entrevista, Iamarino fala sobre o projeto, a relação com os leitores e a importância dos blogs para a divulgação da ciência.

Confira alguns trechos da entrevista:

MFC: Em sua opinião, por que a ideia de um condomínio de blogs é interessante?

Atila Iamarino: Por compartilhar credibilidade. Na internet, é muito fácil achar conteúdo de pseudociências do pior tipo – campanha anti-vacinação, teorias da conspiração que falam que o câncer foi criado para matar, que o vírus HIV foi construído em laboratório… Para o público leigo, é difícil. A regra da comunidade de blogs é que você compartilha um pouco da sua credibilidade. Se você entrou no meu blog, gostou do que eu falo, achou que é legítimo, aqui tem outros blogs que você também vai gostar.

MFC: Qual a importância dos blogs de ciência para a divulgação científica?

Atila Iamarino: Eu gosto de dizer que são e vão se tornar cada vez mais importantes. Lá fora e aqui no Brasil tenho visto cada vez mais os cadernos de ciência encolherem. O ruim no blog é que ele não tem o destaque de um caderno de ciência. Mas, ao mesmo tempo, você tem contato com quem trabalha naquilo, ou está fazendo pesquisa, e está muito mais capacitada para escrever com referências, citando artigos, links, fontes, colocando vídeo. Jornalismo investigativo eu duvido que vá ter em blogs. Mas divulgação científica, explicação de novas teorias, de novos artigos, acho que hoje isso tende a estar muito mais em blogs do que em jornais.

(versão online completa, em breve, no site www.fapemig.br)

Tags

Artigos Relacionados