FAPEMIG e Capes assinam novo Acordo

[youtube=http://youtu.be/4AScfyf6RgE]

A FAPEMIG e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) assinaram, no último dia 17 de janeiro, um convênio no valor de R$ 70 milhões. A parceria entre as duas instituições já dura três anos, e com a assinatura do protocolo de intenções, será prorrogada por mais quatro. FAPEMIG E CAPES já investiram R$ 10 milhões no Estado, o que colocou as universidades com sede em Minas entre as melhores do Brasil.

Pelo novo acordo com a Capes, os recursos serão empregados em pesquisas na educação básica, pós-graduação, pós-doutorado e compra de equipamentos. Conheça as ações que serão realizadas em cada seguimento:

Pesquisa na educação básica
Financiamento de projetos de pesquisa e de inovação na área de ensino e aprendizagem para a educação básica, voltados para a formação de professores e uso de novas tecnologias em sala de aula das escolas públicas de Minas Gerais. As propostas serão selecionadas por edital e poderão ser enviadas por qualquer instituição de ensino superior de Minas Gerais que tenha pesquisadores na área. O edital deverá conceder as seguintes bolsas:

– Iniciação Júnior (para estudantes do ensino fundamental e médio),
– Iniciação Científica Júnior (para estudantes de graduação),
– Apoio Técnico (para profissional Técnico),
– Professor da escola pública selecionada
– Mestrado para aluno de instituição de ensino superior.

Valor e vigência: R$ 10 milhões, ao longo de quatro anos.

Pós-Graduação
O objetivo do Programa de Apoio aos Cursos Cinco, Seis e Sete (PACCSS) é melhorar a qualidade e criar novos cursos de Pós-graduação de Minas Gerais. Os cursos serão selecionados de acordo com seu conceito na CAPES. Os cursos conceito 5, 6 e 7 terão apoio conforme as propostas apresentadas. Durante a vigência do Acordo, o Programa de Pós-Graduação terá recurso liberado de R$ 21 milhões.

Valor e vigência: R$ 300.000,00 para cada curso contemplado, ao longo de 3 anos.

Pós-doutorado
Financiamento de bolsas de pós-doutorado para pesquisadores selecionados por meio de edital. As instituições de ensino superior indicam os professores, que farão prova em instituição da sua escolha. Caso sejam aprovados, os professores receberão bolsa.

Valor e vigência: R$ 36 milhões, durante quatro anos.

Compra de equipamentos
A verba será liberada para financiar compra de qualquer equipamento de pesquisa vinculada aos cursos de pós-graduação recomendados pela Capes. A seleção das instituições beneficiadas será feita por meio de edital.

Valor: R$ 3 milhões.

Compartilhe nas redes sociais
0Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *