UFMG Talks discute preservação e degradação ambiental no Brasil

Em meio às queimadas que atingem o Pantanal e a Amazônia, UFMG Talks conversa sobre preservação e degradação ambiental no Brasil

Um estudo da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) indica que a mata nativa preservada ocupa 61% de todo o território brasileiro. Por outro lado, o Brasil é a nação que mais desmata vegetações primárias. De acordo com o “Global Forest Watch”, aplicativo da web que monitora florestas globais, o desmatamento atingiu uma área de 1,3 milhão de hectares.

Ao lado do desmatamento, outro problema assola as matas nativas, a vida animal e comunidades: os incêndios. No Pantanal, por exemplo, nos primeiros seis meses deste ano foram registrados 2.534 focos de incêndio segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), um aumento de 158% em relação a 2019.

Contradições e mais contradições. Esse é o Brasil, que se divide entre o avanço e o atraso, entre o agronegócio sustentável e o predatório. É possível promover um encontro entre esses dois “brasis”?  Como diminuir as taxas de desmatamento e tornar, por exemplo, a agropecuária brasileira a mais sustentável do mundo? A ciência pode ajudar a resolver essa equação?

Para conversar sobre preservação e degradação ambiental, agronegócio e sustentabilidade, a próxima edição do UFMG Talks em casa recebe os professores Raoni Rajão e Britaldo Soares Filho esta terça-feira, dia 29 de setembro, a partir das 19h.

Professor do Departamento de Engenharia de Produção da UFMG, Raoni Rajão atua na área de Gestão Ambiental, Estudos Sociais da Ciência e Tecnologia e Desenvolvimento Sustentável. Britaldo Soares Filho é professor do Departamento de Cartografia da UFMG, onde desenvolve pesquisa em modelagem ambiental e aplicações para a avaliação e desenho de políticas públicas voltadas à conservação ambiental. Ambos professores trabalham em projetos de pesquisa com foco na recuperação da Bacia do Rio Doce, nos desafios para a implementação das metas climáticas de Paris no Brasil.

O UFMG Talks em casa será transmitido ao vivo no canal da TV UFMG no YouTube (youtube.com/tvufmg) e na página da UFMG no Facebook (fb.com/ufmgbr). Após a apresentação, os convidados responderão a perguntas enviadas.

Serviço

UFMG Talks em casa

Entre a preservação e a degradação: Brasil e seus extremos

Data:  29 de setembro às 19h (terça-feira)

Convidados: Raoni Rajão e Britaldo Soares Filho

Transmissão online pelo canal da TV UFMG no YouTube e pela página da UFMG no Facebook

Conteúdo Relacionado