Máscara com cheiro ruim? Atenção!

Com o uso da máscara, você pode descobrir problemas de saúde.

O uso de máscaras durante a pandemia tem sido uma das medidas de prevenção do contágio e disseminação da doença.

Embora incômodas, elas são muito necessárias, não só para a sua proteção, mas para a proteção daqueles com quem você convive.

Existem diversos tipos de máscara. Você já deve ter experimentado algumas bem diferentes!

Mas o nosso assunto aqui é outro! Sabia que as máscaras podem servir para indicar se algo não vai bem com sua saúde? Pois é!  Isso acontece porque você pode perceber melhor o seu próprio hálito. 

A halitose, ou o popular “bafo de onça”, tem suas causas, geralmente relacionadas às doenças da boca como: cáries, gengivite, periodontite, saburra lingual (mancha branca na língua), problemas de salivação. 

Mas também pode ocorrer devido a diversas alterações da saúde, como diabetes, tumores e doenças respiratórias, ou em razão de hábitos como dietas radicais ou pobres em alimentos naturais, ou uso de certos medicamentos.

O doutorando Sandro Felipe Santos de Faria, do Programa de Pós-graduação em Odontologia da UFMG, explica que o mau hálito não é considerado uma doença, mas, sim, uma condição, que serve como sinal de alerta sobre algo que não está bem em nosso corpo.

“Há cerca de 3,5 mil anos, o médico grego Hipócrates avaliava o hálito dos pacientes como parte do exame clínico”, exemplifica.

Ele está estudando justamente sobre a Percepção sobre o hálito durante a pandemia de covid-19.  

Se você sentir um hálito ruim, quando estiver utilizando a sua máscara, não deixe de contar para os seus pais ou um adulto de sua confiança!

Cuide-se bem e fique protegida/o!

Sobre o(a) autor(a)

Avatar

Lorena Tarcia

Jornalista e professora apaixonada por ciências!
frame3

Conteúdo Relacionado

Enable Notifications.    Ok No thanks