Que tal mergulhar no universo aquático-terrestre de anfíbios para conhecer histórias, diversidade, características e hábitos de vida? Cientistas acabam de lançar a Coleção Girinos do Brasil com seis livros em que crianças e adolescentes podem aprender mais sobre girinos, as larvas dos anuros (sapos, rãs e pererecas).

A coletânea é fruto de uma grande base de dados sobre girinos produzida no âmbito do projeto “Girinos de anuros da Mata Atlântica, da Amazônia, do Pantanal, do Cerrado e de Zonas de Transição: caracterização morfológica, distribuição espacial e padrões de diversidade“.

Ao todo, 24 cientistas coletaram informações padronizadas sobre bioma, habitat e microhabitat de girinos de mais de 200 espécies. Eles contaram com apoio de aproximadamente 40 estudantes de graduação e pós-graduação nos estudos que foram realizados ao longo de três anos (2011 a 2014), em mais de 15 universidades de 10 estados brasileiros.

Os girinos foram obtidos em 1.127 corpos d’água, distribuídos em cinco diferentes biomas, zonas de transição e formações vegetais associadas. A coleção é um material rico para conhecimento sobre biodiversidade desses animais.

Números deste trabalho:

24 pesquisadores coletaram informações;

Mais de 15 universidades de 10 estados envolvidas na coleta de dados: UNESP, USP, UFABC, UNIFESP, UFG, UFMA, UFAM, UFC, UESC, UEFS, UFMS, UFMT, UFBA, UFMG, UFPR, UFAL, UNILA;

200 espécies de girinos estudadas;

3 anos de pesquisas;

1.127 lagos, rios, poças, brejos, riachos, represas onde foram observados os girinos.

 

Os livros

O mais legal é que os livros são gratuitos e podem ser baixados online. A versão impressa será distribuída nas escolas de ensino fundamental e médio pelos pesquisadores do projeto, que também promoverão um bate-papo sobre os anuros brasileiros.

Conheça os livros:

De girino a adulto, muita história para contar – Denise de Cerqueira Rossa-Feres, Fausto Nomura, Michel Varajão Garey e Flávia Pereira Lima

Salvando a pele: conhecendo os girinos do Cerrado – Flávia Pereira Lima, Rogério Pereira Bastos, Denise de Cerqueira Rossa-Feres e Fausto Nomura

Girinos comilões: conhecendo os girinos do Pantanal e do Chaco – Flávia Pereira Lima, Fausto Nomura, Denise de Cerqueira Rossa-Feres e Franco Leandro de Souza

Girinos de todo jeito: conhecendo os girinos da Mata Atlântica – Flávia Pereira Lima, Michel Varajão Garey e Denise de Cerqueira Rossa-Feres

Histórias de vida: conhecendo os girinos da Caatinga – Flávia Pereira Lima, Domingos J. Rodrigues e Marcelo Menin

Diferentes formas de nascer: conhecendo os girinos da Amazônia – Flávia Pereira Lima, Flora Acuña Juncá, Paulo Cascon, Mirco Solé, Luiz Norberto Weber e Gilda Vasconcellos de Andrade.

Os autores sugerem que a leitura da série comece pelo título De girino a adulto, muita história para contar, que traz a explicação de alguns termos científicos que podem parecer estranhos. Em outros livros, os leitores também saberão as diferenças entre sapo, rã e perereca, a morfologia e metamorfose dos girinos e importância de conhecê-los para protegê-los. Uma das edições traz uma brincadeira de recortar e colar para identificação de girinos de três espécies. Dá pra saber até mesmo as defesas usadas pelos bichinhos para não se tornarem presas de vorazes predadores.

Sobre o(a) autor(a)

Luana Cruz

Luana Cruz

Jornalista, professora e pesquisadora. É mãe dos gêmeos Martin e Heitor.
frame3

Conteúdo Relacionado

Enable Notifications    OK No thanks