A mobilidade é um dos grandes desafios da vida nas grandes cidades. No Pint of Science, em Belo Horizonte, a Engenheira de Transportes e professora do Cefet-MG Peolla Paula Stein debateu o assunto com o professor da Universidade Federal de Viçosa Paulo Tadeu Arantes.

Nesse Ondas da Ciência, confira soluções potenciais para a mobilidade nos grandes centros urbanos, como Belo Horizonte.

Soluções para a mobilidade urbana

Para os pesquisadores, os problemas da mobilidade urbana pedem por um conjunto integrado de soluções, em diversas instâncias. É preciso conscientizar e transformar o hábito de transportes, principalmente pensar uma utilização mais racional do carro e das vias públicas.

A transformação nos deslocamentos urbanos passa também por transformações na relação das pessoas com a cidade, que deve ser mais atrativa e contar com melhor estrutura para quem caminha e anda de bicicleta. Para isso, podem ser propostas soluções arquitetônicas e melhorias de segurança pública e de infraestrutura para os modos não motorizados.

Peolla Stein e Paulo Tadeu falam também das possibilidades da internet e da infovia para a mobilidade. A rede possibilita o desenvolvimento de aplicativos que promovam o encontro de pessoas com mesmos interesses e deslocamentos similares. As mídias sociais produzem também informações sobre os fluxos de pessoas.