A pesquisadora Alice Freitas Versiani, do grupo de pesquisa em nanobiomedicina ligado ao departamento de Física da federal mineira, comenta sobre o estudo.

Ouça e brilhe!

 

Para saber mais: