“‘Over the rainbow”, imagem obtida durante ensaios de impacto em aço ferrítico utilizado comercialmente (reprodução)

Uma das principais portas de entrada e saída do Brasil, o Aeroporto Internacional Tom Jobim (conhecido como Galeão), no Rio de Janeiro, abriga até 13 de agosto a Mostra de Arte Científica (MAC), organizada pelo grupo ArtBio, especializado em desenvolver projetos que envolvem ações culturais e educativas para levar a ciência ao grande público.

A mostra foi concebida no mundo virtual no ano passado, com 60 obras escolhidas a partir de aproximadamente 600 candidatas enviadas por pesquisadores de 35 universidades brasileiras. Mais de 40 mil visitantes acessaram a MAC virtual em 2014, mas o novo formato promete ampliar significativamente sua visibilidade – por mês, passam pelo aeroporto cerca de 1,5 milhão de pessoas.

Clique aqui e visite a MAC Virtual.

Das 60 imagens que compunham a MAC original, 15 foram selecionadas para formar a exposição presencial. Os organizadores destacaram obras com temas científicos variados – da estrutura das células à composição de metais – e, claro, com grande apelo estético. Esta é a primeira vez no Brasil que uma exposição de ciência é exibida em um aeroporto, um passo importante para sensibilizar um público mais amplo para as relações entre ciência e arte.

Com informações do site do aeroporto.