Pesquisas buscam processo autônomo e nacionalizado para produção de biocombustíveis

[soundcloud url=”http://api.soundcloud.com/tracks/37181584″ iframe=”true” /]

Uma série de estudos desenvolvidos pela Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuvi , UFVJM, pode se tornar uma importante alternativa para devolver o equilíbrio do planeta Terra. Lá estão sendo desenvolvidos vários projetos, com apoio da Fapemig, em torno de novas formas de produção de bioetanol “de segunda geração”, feito a partir dos resíduos de produção do biodiesel. Material que é tratado como lixo e que poderá ser usado como fonte de energia limpa e renovável. O entrevistado deste 14º “Ondas da Ciência” é o doutor em bioquímica e pesquisador Alexandre Soares dos Santos.

Produção e edição: Marcus Vinicius dos Santos

Compartilhe nas redes sociais
0Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *